RJ: (21) 2518-3099 | DEMAIS ESTADOS: 4003-6086
Cadastre-se Área do Assinante

Declaração de Imposto de Renda Retido na Fonte (DIRF)

A Doméstica Legal vai realizar todo o preenchimento e efetuar a transmissão da Declaração de Imposto de Renda Retido na Fonte (DIRF) à Receita Federal, e emitir os comprovantes de rendimentos dos seus empregados.

Serviço indicado para: empregador doméstico que reteve Imposto de Renda na Fonte (IRRF) em pelo menos um pagamento feito ao seu empregado entre Dezembro/2015 e Novembro/2016, ou que tenha pago a partir de R$ 28.559,70 durante o ano-calendário, deve declarar a DIRF à Receita Federal até às 23h59min do dia 27 de fevereiro.

Multa em caso de atraso: A multa pela entrega da DIRF em atraso é de 2% sobre o montante dos tributos e das contribuições informadas, limitadas a 20%.

Prazo para contratação do serviço: 20 de fevereiro

Prazo máximo para a realização do serviço: 5 dias úteis a contar da contratação do mesmo

 

Fique atento:

  • Caso o empregador tenha alguma DAE em atraso, será cobrado um valor adicional por documento;
  • Caso necessite de algum recibo de pagamento retroativo, será cobrado um valor adicional por documento.

Não nos responsabilizamos por informações incorretas fornecidas pelo cliente

Custo do serviço por empregado

Para assinante
Para não assinante
R$ 300

(para o primeiro empregado)

R$ 400

(para o primeiro empregado)

R$ 100

(a partir do segundo empregado)

R$ 133

(a partir do segundo empregado)

IMPORTANTE: Todo histórico do empregado (entre Dezembro/2015 e Novembro/2016) deve ser informado no sistema Doméstica Legal IMPORTANTE: O cliente deve informar os dados necessários para a realização do serviço através de formulário enviado pela Doméstica Legal

Perguntas frequentes

Verifique se houve o desconto do Imposto de Renda Retido na Fonte (IRRF) no pagamento de Salário, Férias, 13º Salário ou Rescisão do seu empregado doméstico, pelo menos uma vez, no período entre Dezembro/2015 e Novembro/2016. Se houver o desconto, você precisa entregar a DIRF. Ou se o empregado recebeu vencimentos a partir de R$ 28.559,70 durante o ano-calendário, também é preciso declarar.

O Imposto de Renda Retido na Fonte (IRRF) só é retido quando os vencimentos do empregado ultrapassam o valor de R$ 1.903,98 (tabela vigente desde 2015), já considerando a parcela a deduzir e o número de dependentes.

Não. Por ser uma obrigação sazonal, e não aplicada a todos os empregadores, este serviço não está incluído em nossos planos de assinatura.