Entenda como funciona a antecipação da multa do FGTS das Domésticas

Entenda como funciona a antecipação da multa do FGTS das Domésticas

Empregadores terão que pagar mensalmente 3,2% sobre a remuneração da empregada para o adiantamento da multa do FGTS para casos de demissão sem justa causa.

Valor depositado mensalmente compõe a multa de 40% para demissões sem justa causa

Um dos novos direitos regulamentados com a PEC das domésticas é o FGTS. Junto com o fundo de garantia o empregador precisará recolher a multa para os casos de demissão sem justa causa equivalente a 3,2% sobre a remuneração. O especialista no emprego doméstico Mario Avelino explica como vai funcionar o recolhimento.

Veja na reportagem como funcionará o pagamento da antecipação da multa.

Compartilhe esta publicação

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp

Cadastre seu e-mail e fique sempre atualizado

Deixe seu comentário sobre este post

Mais acessados

🔎 Não achou o que procurava?

Faça sugestões de novos conteúdos